Nossa rede

É Destaque

Detran credencia autoescolas e vistoria fica para quando a pandemia acabar

Publicado

dia

Detran acata resolução do Conselho Nacional de Trânsito, que autoriza a liberação dos centros de formação de condutores sem a necessidade de vistoria prévia

(crédito: Hiram Vargas/Esp. CB/D.A Press)

O Departamento de Trânsito de Distrito Federal (Detran-DF) atualizou o credenciamento de dois centros de formações de condutores no DF. De acordo com publicação no Diário Oficial do DF (DODF) desta sexta-feira (4/12), um dos centros fica em Taguatinga e outro em Ceilândia.

Com a atualização, as autoescolas em questão podem continuar oferecendo aulas de formação de condutores de veículos automotores e elétricos, assim como realizar os exames e expedir documentos de habilitação.

De acordo com a Resolução nº 358/2010 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o Detran precisa realizar vistorias e acompanhar as empresas credenciadas para a formação de novos condutores. Porém, segundo a medida publicada no DODF, este procedimento só será retomado após a pandemia de covid-19.

A atualização do cadastro é válida até janeiro de 2021, para a empresa de Taguatinga, e março do ano que vem para a empresa de Ceilândia.

Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Comentar

É Destaque

Governo federal institui o programa Turismo Sem Drogas

Publicado

dia

Por

Solenidade foi no Palácio do Planalto

O presidente Jair Bolsonaro participou hoje (14) do lançamento do programa Turismo Sem Drogas, que prevê a execução de ações e estratégias de prevenção às drogas nas atividades do setor. A cerimônia aconteceu no Palácio do Planalto, com a presença de diversas autoridades.

O programa é iniciativa da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur) e dos ministérios da Cidadania e do Turismo, em parceria com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH). Serão espalhados cartazes por diversos estabelecimentos comerciais com informações sobre o combate às drogas no Brasil, assistência médica e canais de denúncia.

Para o presidente da Embratur, Carlos Brito, turismo é sinônimo de “felicidade, amor e cuidado”, ou seja, “o contrário do que as drogas trazem para as pessoas”. Segundo ele, será um programa de alerta e conscientização sobre o turismo responsável.

“A ação turismo sem drogas visa sensibilizar nossos turistas brasileiros e estrangeiros de que é possível aproveitar o máximo as experiências culturais, gastronômicas, esportivas, a natureza exuberante do Brasil e o calor humano do nosso povo sem o uso de substâncias que causam malefícios à saúde e que estão associadas a atividades que trazem grandes prejuízos à sociedade”, disse Brito. Agência Brasil

Ver mais

É Destaque

Militares brasileiros e norte-americanos treinarão juntos em novembro

Publicado

dia

Por

Decreto presidencial autorizou a vinda ao Brasil de 240 soldados norte-americanos que participarão da segunda edição do exercício conjunto, que ocorrerá no Vale do Paraíba

 

Inflação: Ainda há poucas evidências de que as fábricas de bens de consumo estão repassando os custos mais elevados dos insumos para clientes (Jose Fernando Ogura/Getty Images)

Militares do Brasil e dos Estados Unidos participarão de um treinamento conjunto em território brasileiro, de 28 de novembro a 18 de dezembro. Segundo o Exército, o “exercício de adestramento” visa a capacitar tropas da 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel), sediada em Caçapava, no interior de São Paulo.

Esta será a segunda experiência realizada por meio do chamado Core (do inglês Combined Operations and Rotation Exercises, ou Operações Combinadas e Exercícios de Rotação, em tradução livre), iniciativa firmada em outubro de 2020, no âmbito da XXXVI Conferência Bilateral de Estado-Maior Brasil-EUA, para “incrementar a interoperabilidade entre os dois exércitos”.

Em nota divulgada nesta manhã, a Secretaria-Geral da Presidência da República informou que a organização e execução do exercício de adestramento das tropas é de inteira responsabilidade do Comando do Exército. E que o Core se insere no contexto do acordo de cooperação bilateral em matéria de Defesa que Brasil e Estados Unidos assinaram em abril de 2010, e que, no país, foi promulgado em dezembro de 2015.

Previsto para ser realizado anualmente até, pelo menos, 2028, o treinamento conjunto ocorreu pela primeira vez entre janeiro e março deste ano, em Fort Polk, no estado da Louisiana. Já a segunda edição ocorrerá em um ponto entre as cidades de Resende (RJ) e de Lorena (SP), no Vale do Paraíba, conforme decreto presidencial publicado hoje (14), no Diário Oficial da União.

Assinado pelo presidente da República Jair Bolsonaro, o Decreto nº 10.834, autoriza o ingresso e a permanência temporária em território brasileiro de 240 militares norte-americanos que participarão do exercício militar.

Ainda segundo o decreto, o destacamento norte-americano poderá entrar no Brasil trazendo armamentos, munições, acessórios, dispositivos ópticos, sensores e equipamentos de comunicação a serem usados na atividade conjunta.

De acordo com um texto do Exército, de setembro deste ano, os soldados norte-americanos que participarão da atividade integram uma subunidade da 101ª Divisão de Assalto Aéreo (101st Airborne Division) – unidade especializada apta a participar de operações envolvendo a infiltração de paraquedistas em zonas críticas.

Ver mais

É Destaque

Lira espera atitude da Petrobras após mudança no ICMS de combustíveis

Publicado

dia

Por

Nesta quarta, a Câmara aprovou um projeto de lei que estabelece um valor fixo de ICMS a ser cobrado pelos Estados sobre os combustíveis

Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (Maryanna Oliveira/Agência Câmara)

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), disse em sua conta no Twitter nesta quinta-feira que aguarda uma ação da Petrobras em relação aos preços dos combustíveis, após a Casa aprovar projeto de lei que estabelece um valor fixo de ICMS a ser cobrado pelos Estados sobre o produto.

“A Câmara deu o 1º passo para conter a disparada do preço dos combustíveis. Alteramos a incidência do ICMS. Fizemos nossa parte e demos uma resposta ao Brasil. Agora, esperamos pela Petrobras. Que o gás e os combustíveis fiquem mais leves no apertado bolso dos brasileiros”, escreveu Lira na rede social

 

 

 

Ver mais

É Destaque

Por erros, estudo sobre covid-19 é retirado de repositório científico

Publicado

dia

Por

A pesquisa apontava risco de 1 a cada mil casos de covid-19 para o desenvolvimento de condição cardíaca

Imagem das proteínas das espículas na superfície de células expostas à vacina, renderizada por um artista (University of Southampton/Reprodução)

Um estudo sobre a covid-19 foi retirado do repositório de artigos MedRxiv por erros de cálculos.

Os estudos que são publicados nesse site, normalmente, ainda não passaram pela revisão de pares, um processo de validação de artigos científicos feito por cientistas com formação parecida com a dos autores, mas que não têm nenhum envolvimento na análise.

A pesquisa em questão ligava a covid-19 com casos de miocardite, uma inflamação no músculo cardíaco.

O estudo apontava risco de 1 a cada mil casos de covid-19 para o desenvolvimento da condição cardíaca.

O erro de cálculo foi no número de vacinas entregues à população. O estudo considerou 32 mil vacinas, quando o número correto era de quase 855 mil.

O Instituto do Coração da Universidade de Ottawa publicou um pedido público de desculpas por qualquer desinformação que o estudo tenha gerado.

 

Ver mais

É Destaque

Veja onde se vacinar contra Covid-19 nesta quarta-feira no DF

Publicado

dia

Por

Imunização de adolescentes entre 12 e 17 anos e aplicação do reforço em imunossuprimidos graves são retomados. Há também dose extra para profissionais de saúde e pessoas com 60 anos ou mais.

Profissional prepara vacina contra Covid-19 no DF — Foto: Geovana Albuquerque/ Agência Saúde-DF

A vacinação contra Covid-19 para adolescentes entre 12 e 17 anos e a aplicação do reforço em imunossuprimidos graves é retomada nesta quarta-feira (13), no Distrito Federal. O serviço também continua para os demais públicos em diversos pontos da capital (veja endereços abaixo).

A imunização de adolescentes entre 12 e 17 anos e a dose extra para imunossuprimidos graves havia sido suspensa nesta terça-feira (12), devido ao baixo estoque da vacina da Pfizer.

Durante a tarde de terça, questionada, a Secretaria de Saúde chegou a informar que a vacinação para adolescentes só seria retomada com a chegada de uma nova remessa da Pfizer – única vacina recomendada pela Anvisa para este público. Mas, no começo da noite, a pasta voltou atrás e disse que a imunização para quem tem entre 12 e 17 anos ocorre em 18 postos nesta quarta-feira, no entanto, todos eles ficam nas regiões de Planaltina e Sobradinho (confira lista mais abaixo).

Pessoas a partir dos 18 anos também podem tomar a primeira ou a segunda dose da vacina, assim como gestante e puérperas. Além disso, há aplicação do reforço em profissionais de saúde e idosos com 60 anos ou mais.

Na segunda (11), Brasília recebeu 40.950 doses da Pfizer, porém, a secretaria havia divulgado que o imunizante estava reservado para a segunda dose.

Antecipação e dose de reforço

Idosos e profissionais de saúde só podem tomar a dose de reforço após seis meses da segunda aplicação. No caso dos imunossuprimidos graves, o prazo é de 28 dias. Não há necessidade de agendamento.

Além disso, quem deveria tomar a segunda vacina da Pfizer ou da AstraZeneca até 5 de novembro, também pode procurar os postos de imunização, sem agendamento.

Para os imunossuprimidos graves, é preciso comprovar a condição por meio de laudo médico. Quem se vacinou informando imunosupressão não precisa se recadastrar, segundo a Secretaria de Saúde.

Quem são os imunossuprimidos graves?

  • Pessoas com imunodeficiência primária grave
  • Pacientes de quimioterapia para câncer
  • Trasplantados de órgãos sólidos e de células tronco e medula óssea
  • Pessoas com HIV e CD4 <350 células/mm3
  • Pacientes em hemodiálise
  • Pessoas com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas, como reumatológicas, autoinflamatórias e doenças intestinais inflamatórias
  • Usuários de medicamentos com Metotrexato, Leflunomida, Micofenolato de mofetila, Azatiprina, Ciclofosfamida, Ciclosporina, Tacrolimus, 6-mercaptopurina, infliximabe, etanercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, Canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, Secukinumabe, ustekinumabe ou Inibidores da JAK (Tofacitinibe, baracitinibe e Upadacitinibe).

Veja postos de vacinação contra Covid abertos nesta quarta-feira (13) no DF

  • Primeira dose para adolescentes de 12 a 17 anos

 

Postos de vacinação para adolescentes entre 12 e 17 anos nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação para adolescentes entre 12 e 17 anos nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

  • Primeira dose para pessoas com 18 anos ou mais

 

Postos de vacinação para pessoas com 18 anos ou mais nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação para pessoas com 18 anos ou mais nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

  • Primeira dose para gestantes e puérperas

 

Postos de vacinação para gestantes e puérperas nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação para gestantes e puérperas nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

  • Dose de reforço para imunossuprimidos graves

 

Postos de vacinação para imunossuprimidos graves nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação para imunossuprimidos graves nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

  • Dose de reforço para pessoas com 60 anos ou mais

 

Postos de vacinação para pessoas com 60 anos ou mais nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação para pessoas com 60 anos ou mais nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

  • Dose de reforço para profissionais de saúde

 

Postos de vacinação para profissionais de saúde nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação para profissionais de saúde nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

  • Segunda dose da Pfizer

 

Postos de vacinação com aplicação da segunda dose da Pfizer nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Reprodução

Postos de vacinação com aplicação da segunda dose da Pfizer nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Reprodução

  • Segunda dose da CoronaVac

 

Postos de vacinação com aplicação da segunda dose da CoronaVac nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação com aplicação da segunda dose da CoronaVac nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

  • Segunda dose da AstraZeneca

 

Postos de vacinação com aplicação da segunda dose da AstraZeneca nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

Postos de vacinação com aplicação da segunda dose da AstraZeneca nesta quarta-feira (13) — Foto: SES-DF/Divulgação

 

Ver mais

É Destaque

Zoo de Brasília tem tumulto na porta e polícia é acionada

Publicado

dia

Por

Aglomeração ocorreu depois que parque atingiu limite de público

Movimentação no Feriadão do dia das Crianças, no Zoológico.

 

Uma confusão na porta do zoológico, na manhã desta terça (12), virou caso de polícia em Brasília. O dia das crianças, um dia típico de pais e filhos no zoológico, levou um grande número de famílias ao local. Com isso, uma multidão se aglomerou e forçou a entrada, com os portões já fechados, depois de alcançada a lotação máxima. A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi acionada para conter os ânimos.

Devido à pandemia, o Zoológico de Brasília só admite a entrada de 2,5 mil pessoas por dia. Segundo funcionários da administração do local, uma vez que 2,5 mil ingressos são vendidos, os portões são fechados, mesmo que essa capacidade seja atingida nas primeiras horas de funcionamento e que muitos dos visitantes deixem o local ao longo do dia. No dia das crianças, às 10h o limite já havia sido atingido e os portões foram fechados.

De acordo com a assessoria da PMDF, a população forçou a abertura dos portões e a situação saiu de controle. Pais e mães exaltados criticaram a política de fechamento dos portões. A polícia foi chamada e os portões foram abertos, por decisão da administração do zoológico, por volta das 11h. Aos policiais coube a tarefa de controlar a entrada e saída das famílias.

Em nota, a Fundação Jardim Zoológico de Brasília (FJZB) disse lamentar “falta de compreensão por parte da população em não respeitar as normas impostas para a segurança de todos”, referindo-se à restrição de pessoas imposta por uma Portaria do governo local.

“A Fundação Jardim Zoológico de Brasília (FJZB) reconhece o simbolismo que o Dia das Crianças representa para a população. Todavia, visando o bem-estar e a saúde dos visitantes, torna-se necessário a limitação de público em razão da pandemia e segurança. Portanto, em cumprimento com a Portaria n° 6/2021, a fundação informa que foi registrado o acesso de 2.500 pessoas, hoje (12), por volta das 10h”.

A fundação confirmou que houve o apoio da força de segurança local, mas, devido ao grande volume de público na parte externa da portaria, “não foi possível realizar a contenção do público exaltado — mesmo com a presença do contingente policial”. Agência Brasil

Ver mais
Publicidade

Escolha o assunto

Publicidade
Publicidade

Viu isso?