Nossa rede

Aconteceu

Polícia prende três pessoas com 20 quilos de drogas em Ceilândia

Publicado

dia

Homens jogaram entorpecentes no chão quando viram policiais. Entre os suspeitos, estava um adolescente

(crédito: Divulgação/PMDF)

Dois homens foram presos e um adolescente foi apreendido após serem flagrados com 20 quilos de drogas, entre maconha e cocaína, em Ceilândia. Os entorpecentes foram encontrados em um lote por militares do Grupo Tático Operacional 28 (Gtop 28), após um dos envolvidos correr da abordagem e jogar uma porção de droga no chão.

Com os outros envolvidos, os policiais encontraram aproximadamente 17 quilos de uma substância parecida com maconha e 2 quilos de um material parecido com cocaína. Também foram apreendidos duas balanças de precisão, um rolo de papel-filme, usado para embalar as drogas, e uma faca do tipo peixeira.

O garoto com menos de 18 anos foi levado para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA I), em Taguatinga. Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), ele é apontado como autor de outras ocorrências de ato infracional análogo ao crime de tráfico. Os outros dois homens foram encaminhados para a 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia Centro). Segundo a corporação, um deles também tem passagens na polícia por tráfico.

O advogado criminalista Ruan Palhano explica que, nesses casos, devem ser avaliados os antecedentes criminais e a vida pregressa dos acusados, se tiveram envolvimento com atividade criminosa e ou forem primários. “O crime de tráfico de drogas está presente no artigo 33 da lei de drogas que tem uma pena de 5 a 15 anos de reclusão e multa”, ressalta.

Já o adolescente deve ser encaminhado para medidas socioeducativas, na Fundação Casa, e podem ser cumpridas por até três anos. O artigo 172, do Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), prevê que o jovem apreendido em flagrante de ato infracional deverá imediatamente encaminhado para a autoridade policial competente. A liberdade vem por meio da extinção da medida, da liberdade assistida ou da semiliberdade.

Aconteceu

PF e Receita fazem operação contra importação irregular de eletrônicos

Publicado

dia

Por

Criminosos atuavam no Paraná e lavaram mais de R$ 420 milhões

Cerimônia de inauguração da nova sede da Polícia Federal, em Brasília.

A Polícia Federal (PF) e a Receita Federal deflagraram hoje (9) a operação Modo Avião. É para desmantelar, no Paraná, uma organização criminosa suspeita de ter feito lavagem de dinheiro e importação irregular de produtos eletrônicos.

Segundo a PF, 240 policiais federais e 60 servidores da Receita Federal cumprem, nesta manhã, 56 mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva nos estados do Paraná, São Paulo e Ceará. Mais de R$ 428 milhões estão sendo bloqueados em contas bancárias usadas por integrantes do grupo e por empresas envolvidas no esquema de lavagem de dinheiro.

“Durante as investigações foram apreendidas dezenas de carregamentos de produtos eletrônicos importados ilegalmente”, informou a PF ao estimar prejuízos superiores a R$ 420 milhões em decorrência das irregularidades.

Caso sejam condenados, os suspeitos poderão responder pelos crimes de descaminho, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa. As penas máximas somadas podem chegar a 22 anos de reclusão.

(Agência Brasil)

Ver mais

Aconteceu

PF faz operações conjuntas contra pornografia infantil no Rio

Publicado

dia

Por

A medida resultou nas prisões de dois homens

Divulgação/Policia Federal

A Polícia Federal (PF) desencadeou hoje (9) três operações conjuntas no âmbito do projeto Dark Place. O objetivo da ação é intensificar a repressão aos crimes de armazenamento e compartilhamento de material pornográfico infantil, tipificados nos artigos 241-A e 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) da Lei 8069/90.

A medida já resultou nas prisões, em flagrante, pela posse e armazenamento de conteúdo pornográfico infantil de dois homens. Um de 43 anos, que é um dos alvos dos agentes, e outro de 35 anos. De acordo com a PF, a prisão do primeiro ocorreu durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão na casa do criminoso, no bairro São Marcos, em Macaé, no norte fluminense. O segundo foi preso também no cumprimento do mandado de busca e apreensão na casa dele, no bairro Baía Formosa, em Búzios, na Região dos Lagos.

Além desses mandados, cerca de 20 policiais federais estão nas ruas para cumprir mais um de busca e apreensão. Todos foram expedidos pela 1ª Vara Federal de São Pedro da Aldeia e pela 2ª Vara Federal de Campos dos Goytacazes, em residências localizadas nos municípios de Macaé, Búzios e Cabo Frio, na Região dos Lagos.

“As medidas cautelares foram requeridas após equipe de policiais federais constatar no curso das investigações que determinado cliente de provedor de internet havia feito o download e compartilhado centenas de arquivos com conteúdo pornográfico infantil”, informou a PF.

Os agentes apreenderam computadores, aparelhos celulares e diversas mídias. Segundo a PF, as penas para os crimes de posse e compartilhamento de material com conteúdo de pornografia infantil capitulados variam de 3 a 6 anos de reclusão e multa.

Ver mais

Aconteceu

Polícia prende dupla suspeita de matar sem-teto a facadas em Sobradinho, no DF; vídeo mostra crime

Publicado

dia

Por

Homicídio ocorreu na madrugada desta segunda-feira (8). À polícia, suspeitos confessaram crime, mas negaram intenção de matar vítima; eles acusaram sem-teto de tentar roubar moto.

Faca apreendida com autores de crime contra morador de rua em Sobradinho, no DF — Foto: PCDF/Reprodução

A Polícia Civil prendeu, nesta segunda-feira (8), dois homens suspeitos de matar um morador de rua esfaqueado em Sobradinho, no Distrito Federal, durante a madrugada. A dupla confessou o crime, mas negou que tinha intenção de matar a vítima.

O crime foi gravado por câmeras de segurança (assista acima). Em depoimento, os suspeitos disseram que pretendiam dar um “susto” no morador de rua, por ele ter tentado roubar a motocicleta de um dos homens. No entanto, a Polícia Civil afirma que as imagens de segurança comprovam a gravidade da ação.

As imagens mostram os dois homens batendo no morador de rua. Eles desferiram chutes e socos contra a vítima. Em seguida, o sem-teto caiu no chão, mas os suspeitos continuaram o agredindo.

Com o morador de rua ainda caído, um dos autores esfaqueou a vítima, enquanto o outro suspeito continuou com as agressões. Depois, a dupla fugiu nas motocicletas. O homem esfaqueado tentou deixar o local, mas caiu no chão, após várias tentativas.

De acordo com a Polícia Civil, os suspeitos foram autuados por homicídio qualificado. As motos, a faca e as roupas dos autores do crime foram apreendidas pela corporação.

Ver mais

Aconteceu

Gás lacrimogêneo atinge estudantes do Colégio Tiradentes, em BH

Publicado

dia

Por

De acordo com o Corpo de Bombeiros, trinta alunos foram atingidos. Ambulâncias do Samu e viaturas da Polícia Militar estão no local.

Agenets do Samu e Militares do Corpo de Bombeiros atendem os alunos atingidos — Foto: TV Globo

Cerca de 30 alunos do Colégio Tiradentes, que pertence à Polícia Militar de Minas Gerais, foram atingidos por gás lacrimogêneo e spray de pimenta, no Prado, bairro da Região Oeste de Belo Horizonte, na manhã desta terça-feira (9), segundo o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais.

A corporação chegou a dizer mais cedo que spray de pimenta também teria atingido os alunos, mas a informação não foi confirmada.

A Polícia Militar informou que a substância estava sendo usada em um treinamento realizado na escola de formação militar, que fica ao lado da escola.

Até a última atualização desta reportagem, os bombeiros não sabiam como os estudantes haviam sido atingidos.

“Nós priorizamos o atendimento das vítimas e manutenção da segurança no local. Sobre os fatos, serão apurados posteriormente pelos órgãos competentes”, informou a corporação.

Os estudantes são atendidos por militares dos bombeiros, da Polícia Militar e equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Algumas pessoas foram socorridas e encaminhadas para o hospital.

De acordo com a Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig), o Hospital João XXIII (HJXXIII) está recebendo as vítimas do incidente. Ainda não há o número total de pessoas admitidas na unidade por conta do ocorrido, mas, até o momento, ninguém deu entrada em estado grave.

O colégio fica ao lado da Escola de Formação de Soldados onde, neste domingo (7), uma granada explodiu nas mãos de um soldado durante um curso.

Vazamento d egás aconteceu no Colégio Tiradentes em BH — Foto: TV Globo

Vazamento d egás aconteceu no Colégio Tiradentes em BH — Foto: TV Globo

Ver mais

Aconteceu

Quadrilha do Pix usava fotos de garota de 13 anos em app de relacionamentos e atraía homens para falsos encontros em SP

Publicado

dia

Por

Um homem caiu no golpe e foi mantido refém por mais de 24 horas em cativeiro, na Zona Norte. Outro homem foi abordado pelos bandidos e também foi levado ao cárcere. As duas vítimas tiveram dinheiro roubado, mas foram libertadas na madrugada desta terça (9) pela Polícia Militar. Cinco homens, uma mulher e a adolescente usada como isca foram detidos.

Dois homens que caíram no golpe do app de relacionamentos foram mantidos reféns por quadrilha em cativeiro na Zona Norte de São Paulo. O bando ameaçou as vítimas com uma arma falsa, segundo a PM — Foto: Reprodução/Divulgação/Polícia

Uma quadrilha especializada em aplicar golpes pelo Pix usava fotos de uma garota de 13 anos num aplicativo de relacionamentos para atrair homens para falsos encontros na região de Pirituba, Zona Norte de São Paulo. Depois, a quadrilha roubava o dinheiro das vítimas.

Um homem caiu no golpe após marcar de se encontrar com a jovem, que achava ser maior de idade. Outro homem que passava de carro pela região contou que foi abordado pelos criminosos e também foi levado mesmo cativeiro. Os dois homens acabaram mantidos reféns por mais de 24 horas em cárcere privado.

A Polícia Militar (PM) recebeu uma denúncia de um amigo de uma das vítimas de que ela havia sido sequestrada e após fazer buscas na região encontrou o local do cativeiro, no Jardim Rincão, na madrugada desta terça-feira (9). Os policiais entraram no imóvel e libertaram os dois homens, que estavam machucados após serem agredidos. Eles tiveram ainda o dinheiro de suas contas bancárias roubados pelo bando, que fez transferências pelo sistema Pix.

Sete pessoas que estavam na residência foram detidas pela PM por suspeita de participarem do crime: cinco homens, uma mulher e a adolescente que foi usada como isca. Uma arma falsa também foi apreendida com o grupo, que foi levado à delegacia que investiga o caso. O carro de um dos homens foi encontrado na casa e depois acabou entregue à vítima.

O caso será registrado no 33º Distrito Policial (DP), Vila Mangalot.

Ver mais

Aconteceu

Crianças sofrem cortes no pescoço após serem atingidas por linha de pipa com cerol, em Ceilândia, no DF

Publicado

dia

Por

Segundo mãe de uma das crianças, havia um campeonato de pipa no momento do acidente. Organizadora do evento disse que participantes foram avisados sobre proibição do uso de cerol e de linha chilena; uso das misturas é proibido por lei no DF.

Criança de 4 anos precisou levar ponto por causa do ferimento — Foto: TV Globo/Reprodução

Duas crianças tiveram cortes no pescoço, causados por uma linha de pipa com cerol, neste fim de semana. O acidente ocorreu enquanto elas brincavam em um parquinho da QNN 6/8 de Ceilândia, no Distrito Federal.

Ágatha, de 5 anos, ficou com o ferimento no pescoço, teve sangramento e sentiu muita ardência. Já Cristopher, de 4 anos, teve um corte ainda maior e precisou levar um ponto. As duas crianças foram levadas para o Hospital Regional de Ceilândia e passam bem.

Segundo a mãe de uma das crianças, havia um campeonato de pipa na praça da quadra, no momento do acidente. À TV Globo, a Administração de Ceilândia afirmou que não recebeu pedido de autorização nem foi avisada sobre o evento.

Já a organizadora disse que não era um campeonato, mas um festival de pipas gigantes, e que os participantes foram avisados sobre a proibição do uso de cerol e de linha chilena (veja detalhes abaixo).

Outro organizador afirmou que eles sempre se reúnem, por isso não houve pedido de autorização. No entanto, ainda segundo os responsáveis, o evento recebeu mais pessoas que o esperado e, por isso, não sabem de quem é a pipa que causou o ferimento nas duas crianças.

Após o acidente, um boletim de ocorrência foi registrado e as crianças passaram por exames no Insituto Médico Legal (IML).

Cerol e linha chilena são proibidos por lei no DF — Foto: TV Globo/Reprodução

Cerol e linha chilena são proibidos por lei no DF — Foto: TV Globo/Reprodução

O cerol é uma mistura de cola com vidro moído e é usado para cortar a linha de outras pipas. Já a linha chilena, mais cortante que o cerol, é uma mistura de óxido de alumínio e quartzo moído. No Distrito Federal, o uso e a comercialização dessas misturas é proibido por lei desde 2018.

De acordo com a Neoenergia, de janeiro a julho do ano passado, a capital registrou 134 acidentes com pipa na rede elétrica. No mesmo período deste ano, o número saltou para 199, o que representa um aumento de 48%.

Os meses de férias são os que registram o maior número de acidentes. Em janeiro, foram registrados 40 casos. Já em julho, foram 53.

Ver mais
Publicidade

Escolha o assunto

Publicidade

Viu isso?