Nossa rede

Aconteceu

PMDF é primeira força policial do Brasil a ter faculdade credenciada pelo MEC

Publicado

dia

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) tornou-se, este mês, a primeira força policial do país a ter uma instituição de ensino superior credenciada pelo Ministério da Educação (MEC) – o Instituto Superior de Ciências Policiais (ICSP), que oferta graduação e especialização.

“A criação do instituto visa o aprimoramento acadêmico dos nossos policias, o que vai prepará-los melhor para desempenharem suas tarefas”, destacou hoje o comandante-geral da corporação, coronel Jooziel de Melo Freire.

O ISCP – credenciado no último dia 9 de agosto – oferece formação de bacharelado em ciências policiais, além de pós-graduações em docência do ensino superior e direito penal e processual penal militar.

Segundo o comandante, a ideia é que o Instituto também inicie, em 2014, um trabalho de pesquisa científica para aplicação mais eficaz dos recursos da PMDF e do efetivo, o que elevará a qualidade dos resultados da atuação do contingente.

Os estudos abordarão temas como efetividade de equipamentos não letais e legislação que envolve o policial militar durante o desenvolvimento de suas funções.

“Nós também queremos que o espaço seja aberto à comunidade, com acesso aos cursos oferecidos pelo instituto”, destacou Freire.

Segundo o coordenador acadêmico do ISPC, o tenente-coronel Marcos Antônio Nunes, o local passou por um rigoroso processo de avaliação do MEC, que durou aproximadamente dois anos e meio.

Neste processo, profissionais acompanharam a evolução da instituição e dos alunos, desde a infraestrutura até os processos pedagógicos.

“Na academia de polícia, convivem lado a lado a autoridade e o saber. A Polícia Militar do DF é inteligente, uma referência nacional”, observou o professor do departamento de Ciências Jurídicas da Universidade Federal de Rondônia que participou da avaliação, Vinício Carrilho.

O docente enalteceu, em sua análise, itens considerados surpreendentes. Entre eles, soldados com especializações, incluindo mestrado em filosofia.

A faculdade foi considerada também instituição policial com nota máxima, em junho, pelo Conselho Nacional de Educação (CNE).

“Nós já recebemos propostas de convênio e intercâmbio de várias entidades educacionais nacionais e internacionais e de órgãos públicos brasileiros”, informou o tenente-coronel Marcos Antônio Nunes.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) selecionou seis professores que integram o corpo docente do ISCP, entre eles, quatro militares e dois civis, para realizarem o Curso de Avaliadores de Instituições de Ensino Superior.

Os professores foram capacitados pela Diretoria de Avaliação da Educação Superior do Inep para fazer parte do Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Basis).

Com isso, eles estão aptos a avaliar instituições de ensino superior na área de segurança pública, inclusive em outros estados.

“Há um constante crescimento na oferta de cursos voltados para as ciências policiais. O ISCP foi reconhecido recentemente e ficamos felizes por já termos representantes da nossa instituição na avaliação da educação superior brasileira”, explicou o tenente-coronel Nunes.

Cursos – O ISPC oferece bacharelado em ciências policiais e pós-graduações em docência do ensino superior; direito penal e processual penal militar; gestão estratégica em segurança pública e especialização em ciências policiais.

A previsão é de que, até 2014, o instituto dê início ao curso de tecnólogo em segurança pública.

Aconteceu

Criança é atropelada em faixa de pedestre em Samambaia Norte

Publicado

dia

A menina foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel Urgente (Samu). O estado de saúde dela não foi divulgado

Acidente ocorreu enquanto a menina passava na faixa de pedestre
(foto: Luis Nova/Esp. CB/D.A Press)

Uma menina, de 13 anos, foi atropelada, na manhã desta segunda-feira (16/9) em Samambaia Norte, enquanto atravessava a rua em uma faixa de pedestre. O Corpo de Bombeiros foi acionado para o atendimento e auxiliou no socorro da vítima, que foi encaminhada para o hospital pelo Serviço de Atendimento Móvel Urgente (Samu).
A vítima foi atropelada por um carro Fiat Uno, segundo a corporação. O acidente ocorreu em frente à quadra 404 e a menina usava um uniforme escolar da rede pública do Distrito Federal. Como a criança foi atendida pelo Samu, o bombeiros não têm mais detalhes sobre o estado da vítima e a dinâmica do acidente.
Procurada pelo Correio, a Secretaria de Saúde informou que não pode fornecer o estado de saúde ou outras informações sobre pacientes atendidos pela rede pública.

Faixas de pedestre

Em abril deste ano, as faixas de pedestres completaram 22 anos de implementação no Distrito Federal. O respeito à faixa de pedestre se tornou uma dos orgulhos dos brasilienses. Atualmente, o DF conta com 3.770 instalações.
Nesta segunda-feira, o Correio mostrou que a falta de manutenção das sinalizações em Ceilândia e Taguatinga têm deixado os pedestres inseguros. A equipe de reportagem percorreu as principais vias das duas cidades e mostrou como as faixas apagadas tem dificultado a percepção dos motoristas e colocado em risco a vida dos pedestres.
Ver mais

Aconteceu

Adolescentes são apreendidos após roubarem joalheria no Conic

Publicado

dia

Os jovens entraram no estabelecimento se passando por clientes e, em seguida, anunciaram o assalto. Eles chegaram a amarrar uma das vítimas durante a ação

Os adolescentes usaram uma arma para render o gerente e levar os produtos da joalheria
(foto: PMDF/Divulgação)

Dois adolescentes acabaram apreendidos pela Polícia Militar após uma tentativa de roubo na manhã desta segunda-feira (16/9). Os jovens se passaram por clientes de uma joalheria, localizada no Bloco H do Edifício Venâncio II, no Conic. Eles anunciaram o assalto e chegaram a amarrar uma vítima durante a ação.

Conforme informações preliminares da PMDF, os adolescentes chegaram ao estabelecimento por volta das 10h. Ali, começaram a olhar as joias e o movimento na loja. Eles chegaram a ser atendidos pelo gerente do local. Assim que ele se virou de costas para os jovens, foi rendido.
Sob a mira de uma arma de fogo, a vítima foi imobilizada. A dupla amarrou o gerente, abriu uma das vitrines e iniciou a ação. Eles pegaram correntes, anéis, brincos e outros objetos. Depois de cometerem o assalto, ambos fugiram a pé.
Policiais militares conseguiram deter o primeiro suspeito próximo à joalheria. Após alguns minutos, o segundo comparsa acabou apreendido na Rodoviária do Plano Piloto — distante  2,9km do estabelecimento. Eles foram encaminhados para a Delegacia da Criança e do Adolescente 1 (DCA — Asa Norte) para o registro da ocorrência.
Os militares conseguiram recuperar a mercadoria roubada, avaliada em R$ 15 mil, além de um revólver calibre 38, quatro munições e balanças de precisão. Os adolescentes foram autuados pelo ato infracional análogo ao crime de roubo.
Ver mais

Aconteceu

Idosos são feitos reféns durante assalto à residência na Asa Norte

Publicado

dia

Os assaltantes foram presos em flagrante pela Polícia Militar e foram encaminhados para a 5ª Delegacia de Polícia

Dois homens foram presos após invadir casa na 709 Norte
(foto: Oswaldo Reis/Esp. CB/D.A Press)

Um casal de idosos, de 80 e 73 anos, viveu momentos de terror durante um assalto. As vítimas estavam em casa, por volta das 11h desta segunda-feira (16/9), quando foram surpreendidas por dois assaltantes armados. Os homens, de 25 e 19 anos, renderam os moradores da residência, localizada na 709 Norte.
Os suspeitos invadiram a casa usando uma arma artesanal calibre 9 milímetros e um simulacro de pistola. Quando os idosos foram rendidos pelos assaltantes, gritaram por socorro. Vizinhos do casal escutaram os pedidos de ajuda e acionaram a Polícia Militar.
Equipes da corporação foram até a residência, cercando-a. A empregada doméstica da família também estava no local, mas no quintal. Ela informou aos militares que a casa estava trancada. Os policiais arrombaram a porta de entrada e prenderam os dois homens.
Eles foram presos em flagrante por roubo a residência com restrição de liberdade da vítima. Ambos foram encaminhados para à 5ª Delegacia de Polícia (Área Central — Central de Flagrantes). A arma artesanal e o simulacro foram apreendidos.
Ver mais
Publicidade

Escolha o assunto

Publicidade