Nossa rede

Brasília

Pesquisadores da UnB criam sistema para ajudar a identificar a Covid-19

Publicado

dia

Medida visa auxiliar municípios com pouca estrutura no diagnóstico da doença

Um banco de radiografias e imagens do pulmão pode ajudar a diagnosticar a doença
(foto: Secom UnB)

Laboratórios da Universidade de Brasília (UnB)desenvolveram um sistema capaz de diagnosticar a Covid-19, por meio da leitura de radiografias. A iniciativa tem como objetivo auxiliar médicos e radiologistas de municípios sem disponibilidade de equipamentos, ou pouco conhecimento sobre a doença.

No sistema, o médico ou profissional de radiologia carregará a imagem em um sistema on-line e os algoritmos analisarão a imagem e fornecerão o diagnóstico em questão de segundos. Em casos dos algoritmos discordarem ou ficarem indecisos, a plataforma contará com a opinião de especialistas.
Além de subsidiar a atuação do médico em locais onde não há disponibilidade de outros equipamentos como tomógrafos e exames laboratoriais, o sistema também vai colher informações de georreferenciamento, idade do paciente e presença ou não de comorbidades.
Testes
Até o momento, a maior parte das imagens do banco de dados são de pneumonias comuns, cedidas por pesquisadores das universidades de Montreal e de Waterloo, no Canadá. Ainda é necessário, no entanto, fechar parcerias com hospitais com mais casos de Covid-19 para ter acesso às imagens de radiografias de pacientes com a doença confirmada.
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Comentar

Brasília

Siba onde se vacinar contra gripe, Covid e sarampo de segunda (23) até sexta-feira (27), no DF

Publicado

dia

Por

Maioria dos postos atende das 8h às 17h. Na UBS 1, na quadra 612 da Asa Sul, vacinação contra Covid vai até 22h.

vacina contra Covid

 

Para saber os endereços e horários, clique nos links abaixo:

 vacina contra gripe no DF

 

Para saber os endereços e horários, clique no link abaixo:

  • Influenza: idosos a partir de 60 anos e trabalhadores da Saúde

 

Sarampo e vacinação de rotina

Todas as crianças de seis meses até menos de 5 anos devem ser vacinadas contra o sarampo. O público-alvo no Distrito Federal é de aproximadamente 182 mil meninas e meninos e a meta da secretaria de Saúde é vacinar 95% deles.

Ver mais

Brasília

Economia na água; clientes terão bônus no pagamento

Publicado

dia

Por

Desconto beneficiará mais de meio milhão de pessoas; cálculo é feito com base na comparação entre o consumo registrado em 2021 e o de 2020

Os usuários da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) que economizaram água no ano de 2021 – comparado ao consumo de 2020 – vão receber um bônus-desconto de 20% sobre o volume economizado. As pessoas que tiverem direito ao benefício, a começar em junho, receberão o comunicado com a fatura do mês de maio.

Em 2022, a Caesb devolverá aos clientes o montante de R$ 11.573.706,97. Esse valor beneficiará cerca de 540 mil pessoas. A concessão do bônus-desconto atende à Lei Distrital nº 4.341, de 22 de junho de 2009, e à Resolução nº 6, de 5 de julho de 2010, da Adasa. Desde setembro de 2009, a Caesb encaminha, no verso da fatura, informações da legislação que dispõe sobre o incentivo à redução do consumo de água no DF.

O período de apuração do bônus-desconto é de 12 meses, comparando o consumo de um determinado ano com o registrado no ano anterior. O bônus será concedido conforme o valor que o cliente tem a receber, de acordo com cronograma de devolução.

Neste mês, a Caesb encaminhará ao titular da conta que reduziu seu consumo um demonstrativo contendo informações sobre volume economizado em metros cúbicos no período de apuração, volume básico de cálculo do bônus-desconto em metros cúbicos, tarifa inicial da categoria em reais por metro cúbico vigente na data, valor do bônus-desconto em reais e a forma de concessão do bônus.

O valor será calculado multiplicando a tarifa inicial da categoria em que o usuário está enquadrado por 20% do somatório dos volumes mensais economizados no período de 12 meses de apuração.

Como calcular

O cliente A, de tarifa residencial, consumiu 111m³ em janeiro de 2020. Já em janeiro de 2021, o consumo foi de 52m³. No caso, a economia foi de 59m³. O bônus-desconto prevê 20% desta economia, ou seja: 11,80m³. Para obter o valor em reais, deve-se multiplicar 11,80m³ pelo valor da tarifa, que é R$ 2,98. O bônus a ser concedido, nesse caso, é de R$ 35,16.

O cliente B, de tarifa comercial, consumiu 44³ em abril de 2020. Já em abril de 2021, o consumo foi de 10m³. Aqui, foram economizados 34m³. O bônus-desconto prevê 20% desta economia – o equivalente a 6,8m³, cifra que deve ser multiplicada pelo valor da tarifa comercial, que é R$ 6,26. Nesta situação, o bônus será de R$ 42,57.

*Com informações da Caesb

Ver mais

Brasília

294 Novas Vagas para quem procura emprego

Publicado

dia

Por

Do total de vagas disponíveis nesta segunda-feira (23) nas agências do trabalhador, 209 não exigem experiência comprovada dos candidatos

As agências do trabalhador do Distrito Federal oferecem, nesta segunda-feira (23), 294 vagas de emprego. As oportunidades são variadas. A maior parte delas – 209, ao todo – não exige experiência comprovada dos candidatos, o que dá chance para todos, com ou sem familiaridade com a função.

Nesta segunda-feira (23), há vagas disponíveis de trabalho para profissões como pedreiro, açougueiro, desenhista técnico e vendedor | Foto: Lucio Bernardo Jr/Agência Brasília

São 23 carreiras em que não há necessidade de o aspirante ter experiência prévia. O maior salário nesse perfil é para o cargo de gerente operacional. São duas vagas para Taguatinga Centro, com remuneração de R$ 4,5 mil e benefícios. A única exigência é ter o ensino médio completo.

Há duas oportunidades, em Águas Claras, para a função de técnico de manutenção eletrônica com salário de R$ 2,5 mil, mais benefícios. A escolaridade exigida é ensino médio incompleto.

Os interessados nas vagas podem cadastrar o currículo no aplicativo Sine Fácil ou ir a uma das 14 agências do trabalhador, das 8h às 17h, durante a semana

Ainda há cinco oportunidades para cozinheiro geral na Asa Norte, no valor de R$ 2 mil, mais benefícios. Para essa vaga, o candidato precisa ter o ensino fundamental completo. Também há chances em funções como auxiliar, açougueiro, desenhista técnico, motofretista, pedreiro e vendedor.

Os interessados nas vagas podem cadastrar o currículo no aplicativo Sine Fácil ou ir a uma das 14 agências do trabalhador, das 8h às 17h, durante a semana. Mesmo que o candidato não tenha interesse por nenhuma vaga do dia, ele pode se cadastrar para oportunidades futuras, já que o sistema cruza dados dos concorrentes com o perfil que as empresas procuram.

Empregadores que desejarem ofertar vagas ou utilizar o espaço das agências do trabalhador para as entrevistas podem se cadastrar nas unidades e pelo aplicativo Sine Fácil. Também é possível solicitar atendimento pelo e-mail gcv@setrab.df.gov.br. Há, ainda, o Canal do Empregador, no site da Secretaria de Trabalho.

 

Ver mais

Brasília

Pista exclusiva do BRT no Túnel de Taguatinga passa por impermeabilização

Publicado

dia

Por

Trecho de 1.060 metros de extensão também está sendo compactado e, em uma das extremidades da obra, são preparados os pilares para a construção da rampa do BRT

A pista exclusiva do BRT que abrange o Túnel de Taguatinga está sendo preparada. Em meados de maio, foram iniciados os trabalhos de impermeabilização e compactação da pista que passará pelo boulevard e de fundação da rampa do BRT a ser erguida na laje de fundo, próximo à Feira dos Importados da região administrativa. Ao todo, serão 1.060 metros de extensão.

Trabalhos de impermeabilização e compactação da pista exclusiva para o BRT no Túnel de Taguatinga são fundamentais para preparar o terreno para a pavimentação | Fotos: Renato Araújo/Agência Brasília

O trabalho é feito em partes. Dos 13 mil metros quadrados de laje a serem impermeabilizados na parte inicial da obra, a cargo da empresa Trier, 4 mil metros quadrados já foram feitos. O processo consiste na limpeza da cobertura, aplicação do primer (espécie de tinta preta com cola que dá aderência para as placas de manta asfáltica) e da proteção mecânica para ser feita a cobertura com a manta asfáltica.

“Depois desse concreto de proteção, fazemos o reaterro, em que você regulariza o fundo e faz a compactação a partir do lançamento da terra que sai da escavação invertida, espalha o material, corrige a umidade e fecha o trecho”, explica o engenheiro da Trier, Renis Candido Lima.

Fundação da rampa do BRT a ser erguida na laje de fundo, próximo à Feira dos Importados | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A compactação é feita em camadas de 20 centímetros em 20 centímetros. Aproximadamente 160 metros já contaram com o serviço. Os dois tipos de trabalho são fundamentais para a preparação do terreno para que seja iniciada a pavimentação do piso do BRT, que será em concreto rígido.

Rampa do BRT

Na outra extremidade da obra do Túnel de Taguatinga, é feita a fundação da rampa do BRT. Estão sendo erguidos blocos e pilares de sustentação. “Estamos ali fazendo a fundação do viaduto onde terá acesso o BRT. Vamos iniciar os pilares para, assim, poder liberar a avenida Samdu e atacar os trabalhos de terraplanagem”, revela o mestre-geral da obra da empresa Eterc, Carlos Miguel Sidreira.

O BRT que passará pela laje do Túnel de Taguatinga integra o projeto do Corredor Eixo Oeste, composto por 38,7 quilômetros de faixas exclusivas para o transporte público em vias do DF, fazendo a ligação entre o Plano Piloto e o Sol Nascente/Pôr do Sol. Além do Túnel de Taguatinga, fazem parte trechos da Estrada Parque Taguatinga Guará (EPTG), Estrada Parque Setor Policial Militar (ESPM) e Estrada Parque Indústrias Gráficas (Epig).

Ver mais

Brasília

Passeio ciclístico em Taguatinga reúne 1,6 mil participantes

Publicado

dia

Por

Evento integrou as ações do Maio Amarelo, que busca conscientizar a população para a redução dos acidentes de trânsito

A manhã deste domingo (22) começou colorida no Taguaparque. Cerca de 1.600 pessoas participaram do passeio ciclístico em comemoração ao Maio Amarelo, mês dedicado à conscientização para redução dos acidentes de trânsito. O percurso de 7,5 quilômetros passou pelas margens do Pistão Norte, na Estrada Parque Contorno, que teve duas das suas três faixas bloqueadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF).

Ciclistas participaram neste domingo (22), em Taguatinga, de passeio que integra as ações da campanha Maio Amarelo | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Para o secretário de Transporte e Mobilidade, Valter Casimiro, o passeio é uma boa maneira de trabalhar a educação no trânsito e o respeito ao ciclista. “O Distrito Federal tem a segunda maior malha cicloviária do país, um motivo de muito orgulho para nós”, comentou.

O diretor-geral do DER, Fauzi Nacfur, informou que, desde a criação do Maio Amarelo, em 2014, foi observada uma redução dos acidentes. “Acreditamos muito na educação dos motoristas como forma de evitar mortes no trânsito”, afirmou. “Só vamos ficar tranquilos quando conseguirmos zerar o número de ocorrências”.

Pelo terceiro ano consecutivo, o Distrito Federal registrou redução de acidentes fatais. De acordo com levantamento do Departamento de Trânsito (Detran-DF), o ano passado mostrou queda de 26% no número de mortes em relação a 2020. De 2019 para 2020, a redução havia sido de 17%.

Ciclista há dez anos, a design de interiores Nara Núbia Lopes, 39 anos, elogiou o passeio organizado pelo DER. “Esse tipo de ação é muito importante porque ainda há desrespeito de alguns motoristas por aqueles que pedalam. Mas a situação hoje é muito melhor do que no passado”, disse.

O Detran aponta que, em 2021, o DF teve o menor índice de mortes de ciclistas dos últimos 21 anos – oito pessoas perderam a vida pedalando nas ruas, 58% a menos do que em 2020. A redução é ainda mais expressiva quando comparado a 2019, quando 22 ciclistas sofreram acidentes fatais.

“O trânsito ainda é um dos maiores causadores de morte do mundo. No Maio Amarelo, intensificamos o trabalho junto aos motoristas para que haja mais respeito pelas leis de trânsito e mais empatia pelo próximo”, comentou a diretora de Educação do Trânsito do DER, Jucianne Nogueira. “Imprudências como excesso de velocidade, uso de celular ao volante e a mistura de álcool e direção são as principais responsáveis por acidentes”.

Ver mais

Brasília

Itapoã terá maior crescimento populacional no DF até 2030

Publicado

dia

Por

O aumento será de 77,5%, segundo estudo da Codeplan, incentivado por investimentos como o conjunto habitacional Itapoã Parque

Na próxima década, a população do Distrito Federal chegará a 3,4 milhões, um aumento de 13%. Durante esse período, algumas regiões administrativas (RAs) terão um crescimento acelerado da população. Itapoã, Recanto das Emas, Samambaia e Planaltina estão entre as RAs que passarão a ter mais participação na taxa de crescimento populacional do DF. Os dados são do estudo Projeções Populacionais para as Regiões Administrativas do Distrito Federal 2020-2030, promovido pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan).

“A população está se redistribuindo no território para onde há novas oportunidades de habitação e novos empreendimentos. Vamos ver o Itapoã crescer, graças ao Itapoã Parque. Também teremos crescimento em locais como Recanto das Emas [onde foi autorizada a construção do Residencial Tamanduá]”, destaca a gerente de Pesquisas e Estudos Quantitativos de Políticas Sociais da Codeplan, Julia Pereira. O estudo tem como base as projeções populacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2018.

No caso do Itapoã, a cidade passará de 64.747 habitantes (Censo de 2020) para 114.956 em 2030, um aumento de 77,5%. É o maior índice entre todas as 33 regiões administrativas. A estimativa impulsiona o crescimento da Unidade de Planejamento Territorial (UPT) Leste – que conta também com Paranoá, São Sebastião e Jardim Botânico – junto à UPT Norte – Sobradinho, Sobradinho II, Fercal e Planaltina.

Residencial Itapoã Parque terá mais de 12 mil unidades e capacidade para cerca de 50 mil moradores | Foto: Paulo H Carvalho/Agência Brasília

Região em crescimento

Alguns fatores contribuem para o resultado do estudo. Um deles é o aumento da poligonal da região administrativa, que passou a abarcar uma área rural, trechos do Lago Norte, Córrego do Bálsamo e Sobradinho, além dos condomínios Entre Lagos e Novo Horizonte. O outro é a construção do residencial Itapoã Parque, com um total de mais de 12 mil unidades e capacidade para cerca de 50 mil moradores.

Itapoã vai ganhar um viaduto que substituirá o balão de entroncamento das rodovias DF-001 e DF-015, sentido Barragem do Paranoá, com investimento de R$ 33 milhões. Também está sendo feita a duplicação da DF-250, orçada em R$ 12 milhões. Quatro novas escolas e dois centros de assistência social estão em construção no residencial Itapoã Parque

Tudo isso estimulou o investimento em infraestrutura na região. “A construção do Itapoã Parque impulsionou diversas modificações aqui. Já havíamos iniciado várias obras e estamos com mais, porque essa nova população vai modificar a fluidez do trânsito”, comenta o administrador do Itapoã, Marcus Cotrim.

A região vai ganhar um viaduto que substituirá o balão de entroncamento das rodovias DF-001 e DF-015, sentido Barragem do Paranoá, com investimento de R$ 33 milhões. Também está sendo feita a duplicação da DF-250, orçada em R$ 12 milhões. Quatro novas escolas e dois centros de assistência social estão em construção no Itapoã Parque.

Itapoã vai ganhar viaduto que substituirá o balão de entroncamento das rodovias DF-001 e DF-015, sentido Barragem do Paranoá, com investimento de R$ 33 milhões | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

Para o administrador, a expectativa é de que a cidade também tenha uma melhoria econômica. “O Itapoã Parque também vai mudar a característica socioeconômica da cidade. Hoje é uma região de baixa renda. Com a inclusão da nova população, passará a ser de classe média baixa”, acrescenta.

A comerciante Marta Maria de Lucena, 42 anos, se mostra animada com a evolução da cidade. Dona do quiosque Ivan Lanches, ela deixou um negócio no Plano Piloto para investir no Itapoã. O comércio tem dado resultado positivo. “Estou conseguindo vender bem e me sustentar”, conta.

Marta avalia que as boas vendas se devem também em função das melhorias na região. “Tem melhorado bastante, tem mais segurança. Os comércios andam lotados”, comenta, citando a chegada de atacados e mercados à área comercial do Itapoã. Sobre o Itapoã Parque, ela diz acreditar que vai ajudar em seus negócios. “Com certeza, porque vai ter mais gente nas ruas para consumir”, completa.

Ver mais
Publicidade

Escolha o assunto

Publicidade

Viu isso?