Nossa rede

Aconteceu

Carregamento com meia tonelada de maconha é apreendido pela PCDF e PRF

Publicado

dia

Entorpecente vinha do Mato Grosso do Sul com destino ao Distrito Federal. Dois homens foram presos por tráfico de drogas e um terceiro envolvido está sendo procurado

A Polícia Civil estima um prejuízo de R$ 1 milhão aos traficantes do Distrito Federal – (crédito: PCDF).

Na noite desta quinta-feita (15/7), os policiais da 19ª Delegacia de Polícia (Setor P Norte-Ceilândia) em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam cerca de meia tonelada de maconha que vinha do Mato Grosso do Sul com destino ao Distrito Federal. O entorpecente estava sendo transportado em dois veículos que foram identificados durante a investigação policial.

A apreensão da droga e a prisão dos dois motoristas envolvidos ocorreu na rodovia próximo à cidade de Anápolis (GO) durante a operação Green Line (linha verde). Além da maconha, foram apreendidos seis quilos de haxixe (droga derivada da maconha, mais forte que a planta originária), e também os veículos utilizados pelos acusados.

Um homem, 25 anos, e outro, 28 anos foram presos em flagrante e responderão pelos crimes de tráfico de drogas, podendo ter aumento na pena por se tratar de atividade interestadual e de associação para fins de tráfico.

Outro envolvido na prática criminosa, apontado por quem iria receber os entorpecentes, foi identificado pelos policiais. No entanto, durante a perseguição ele conseguiu fugir para a cidade de Santa Maria. As investigações seguem para encontrar o terceiro suspeito. Estima-se um prejuízo de R$ 1 milhão aos traficantes do Distrito Federal.

 

Aconteceu

Pai mata filho em Ceilândia: bebida e agressão à mulher provocaram briga

Publicado

dia

Vizinhos relataram que uma grande briga antecedeu o tiro que matou o filho

Policiais militares do DF chegaram no local, prenderam o suspeito e o encaminharam à delegacia – (crédito: Reprodução/PMDF)

Um homem foi preso suspeito de matar o filho com um tiro no peito, na madrugada dessa quarta-feira (28/7), dentro de um apartamento na QNN 12 de Ceilândia Sul. A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) esteve no local e levou o pai preso.

No apartamento morava a vítima e a mulher. Testemunhas relataram que o pai também estava na residência e todos ingeriam bebida alcoólica. Momentos antes do crime, por volta de 00h, houve uma discussão e vizinhos acionaram a Polícia Militar do Distrito Federal. “Ele (filho) começou a agredir a mulher e o pai foi apartar a briga. Eles discutiram e o filho ficou falando: ‘Atira, atira’. Aí, ele atirou. Isso foi por volta de 30 minutos depois”, relatou.

Segundo a testemunha, após atirar contra o filho, o pai saiu do apartamento sujo de sangue. Policiais militares do DF chegaram minutos depois, prenderam o suspeito e o encaminharam à delegacia. O rapaz não resistiu aos ferimentos e morreu no local. “Não é a primeira vez que isso acontece. Aconteciam brigas entre o filho e a mulher constantemente e o pai sempre vinha para intervir”, afirmou a moradora.

 

Fonte: Correio Braziliense

 

 

Ver mais

Aconteceu

Polícia Federal faz operação para combater contrabando de ouro

Publicado

dia

Ouro era retirado ilegalmente de garimpos na Região Norte

© Tomaz Silva/Agência Brasil

Agentes da Polícia Federal (PF) e da Receita Federal realizaram hoje (27) uma operação contra o contrabando de ouro, garimpado ilegalmente na região Norte do país. Batizada de Ruta 79, a operação cumpre quatro mandados de prisão preventiva e 21 mandados de busca e apreensão em cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais.
 
A PF estima que, no período de 2017 a 2019, a quadrilha tenha contrabandeado mais de uma tonelada de ouro para a Itália.
 
As investigações começaram com a prisão de um policial federal. De acordo com a PF, este policial fazia parte da organização criminosa e era o responsável pela passagem ilegal do ouro contrabandeado da área pública para a restrita dos aeroportos. Durante as investigações, mais de 17kg de ouro e joias foram apreendidos, tudo avaliado em mais de US$ 1 milhão.
 
Segundo a PF, os investigados usavam pessoas como “mulas” para transportar o ouro até a Itália. A carga tinha documentação falsa de empresas sediadas no Paraguai. Na sequência, a organização criminosa trazia joias compradas na Ásia e nos Estados Unidos utilizando novamente “mulas” para introduzi-las de maneira clandestina no Brasil.
 
A ação contou com 120 policiais federais no Rio de Janeiro, em Angra dos Reis, São Paulo, São José do Rio Preto, Piracicaba, Mirassol e Belo Horizonte.
A operação foi batizada Ruta 79 porque ruta significa rota em italiano, destino do contrabando, e o número 79 é a posição do ouro na tabela periódica de química. Agência Brasil
Ver mais

Aconteceu

Cadeirante é atropelado em Samambaia

Publicado

dia

 

Acidente ocorreu durante a madrugada, perto da feira da cidade. Vítima de 42 anos foi levada para Hospital de Taguatinga (HRT)

(crédito: Divulgação PMDF)

Por volta das 4h50 dessa segunda-feira (26/7), um homem com deficiência foi atropelado por um veículo enquanto passava pela 1ª Avenida Norte, em Samambaia, perto da feira da cidade. A vítima, de 42 anos, estava em uma cadeira de rodas elétrica, e subia o balão na pista, próximo à quadra 401.

Segundo a Polícia Militar, no momento do acidente, ele trafegava logo atrás de outro veículo. Com isso, o motorista que o atropelou não o teria visto.

Com a colisão, o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) foi acionado para socorrer o rapaz. Fora de perigo, ele foi levado ao Hospital Regional de Taguatinga, consciente e estável, mas se queixava de dores na cabeça e nos braços.

Agora, a Perícia da Central de Criminalística apura as circunstâncias do acidente. A 26ª Delegacia de Polícia (Samambaia Norte) investiga o caso.

 

Ver mais

Aconteceu

Procurador é preso no DF após atirar contra cunhado e acertar a mãe

Publicado

dia

1ª Delegacia de Polícia, na Asa Sul, acompanha caso de homem que teria atirado na mãe acidentalmente. — Foto: TV Globo/Reprodução

Um servidor público federal foi preso em flagrante, neste sábado (23), após discutir com o cunhado, tentar atirar contra ele e acabar ferindo a própria mãe, no Lago Sul – área nobre no Distrito Federal. A mulher, atingida no braço, foi encaminhada para o Hospital de Base, consciente e estável.

O caso aconteceu em uma casa na QI 28, onde os PMs encontraram nove armas de fogo, uma espingarda de pressão e centenas de munições de vários calibres (veja abaixo).

Henrique Celso Gonçalves Marini e Souza atua como procurador e também é piloto de avião comercial. Segundo o Portal da Transparência do governo federal, ele trabalha na Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

Armas recolhidas

A Polícia Civil recolheu o armamento, e a casa passou foi periciada. O caso é investigado pela 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul).

A defesa afirmou que as armas apreendidas na casa eram do pai do servidor público. Ele era um militar e já morreu. Ainda de acordo com a defesa, ninguém na casa tem porte de arma.

‘Legítima defesa’

Ainda de acordo com o advogado, houve um “desentendimento”, e o homem detido agiu “em legítima defesa”. O advogado disse ainda que o cunhado do servidor sabia onde as armas estavam e, ao imaginar que o familiar fosse atirar, Henrique disparou primeiro, atingindo a mãe, “sem querer”.

Polícia Militar apreende armas em casa onde homem teria baleado a própria mãe acidentalmente — Foto: PMDF/Divulgação

Polícia Militar apreende armas em casa onde homem teria baleado a própria mãe acidentalmente — Foto: PMDF/Divulgação.

 

Denúncia

A PM afirmou que foi chamada para o local do crime após alguém da casa ligar para o 190, informando que uma senhora tinha sido ferida pelo próprio filho e que ele fazia outros parentes reféns.

Um dos policiais militares que atendeu a ocorrência, o aspirante José Paulo Brás Martinez da Silva, afirma que o homem resistiu à abordagem da corporação.

“O indivíduo que realizou o disparo se trancou em um quarto, e a equipe policial iniciou a negociação pra rendição dele. Após 1h30 de negociação, finalmente o indivíduo se entregou por livre e espontânea vontade”, disse.

De acordo com a polícia, havia uma garrafa de whisky no quarto, e o homem além de estar sob efeito de álcool, pode ter tido um surto psicótico.

“O indivíduo alega que houve uma discussão familiar entre ele e o cunhado dele. [Disse] que não desejava atingir a mãe, mas que, por um erro na execução, ele acabou atingindo ela”, conta o PM.

Neste domingo (25) houve uma audiência de custódia e a Justiça manteve a prisão preventiva do servidor.

Ver mais

Aconteceu

PCDF apreende armas de homem que ameaçou tirar vida de ex-mulher

Publicado

dia

Por

De acordo com informações da corporação, o homem, 47 anos, estaria inconformado com o término

Foram apreendidas uma espingarda calibre .12, uma espingarda calibre .22 e uma pistola de calibre .380 – (crédito: Divulgação/PCDF)

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) apreendeu, nesta quinta-feira (22/7), três armas de fogo registradas no nome de um homem que ameaçou tirar a vida da ex-companheira. De acordo com informações da corporação, o homem, 47 anos, estaria inconformado com o término.

A investigação teve início após a vítima informar aos policiais que o autor, registrado como caçador, atirador e colecionador possuía armamento. De acordo com a denúncia, o homem estaria insistentemente tentando manter contato com a vítima e, tomado por ciúme, ameaçando a mulher.

Após a denúncia, a PCDF conseguiu um mandado de busca e apreensão do homem, que também é investigado por violência doméstica. Foram apreendidas uma espingarda calibre .12, uma espingarda calibre .22 e uma pistola de calibre .380. De acordo com os policiais da 38ª Delegacia de Polícia, o cumprimento do mandato fez parte da nova fase da Operação SKADI.

Ver mais

Aconteceu

Bombeiros ajudam mulher que entrou em trabalho de parto em casa, no Gama

Publicado

dia

Por

Quando a equipe chegou no local, a grávida estava na sala de estar da casa, deitada em um colchão. A criança já estava coroando e os bombeiros auxiliaram no parto

Karoline estava em casa quando entrou em trabalho de parto – (crédito: Divulgação/CBMDF)

Foi com a ajuda do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) que Karoline, 27 anos, deu à luz ao seu bebê. Grávida de 38 semanas, a mulher entrou em trabalho de parto dentro da própria casa, no Gama. A ocorrência foi atendida pela corporação na terça-feira (20/7), por volta das 8h.

Segundo os agentes, Karoline estava sendo auxiliada por uma amiga, que acionou o CBMDF pelo 193. Quando a equipe chegou no local, a grávida estava na sala de estar da casa, deitada em um colchão. A criança já estava coroando, ou seja, em processo de nascimento, e os militares precisaram iniciar procedimentos de auxílio ao parto.

O bebê nasceu saudável, às 8h30, e recebeu os devidos cuidados. De acordo com a corporação, a mãe e a criança foram transferidos para o Hospital Regional do Gama (HRG). O CBMDF não divulgou o estado de saúde da mãe após o nascimento.

Socorro inusitado

Na última semana, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) também prestou socorro de forma inusitada para uma mulher. A técnica de enfermagem Maria de Fátima Lima dos Reis, 31 anos, pegou carona com agentes da corporação, na última quarta-feira (14/7), para ir ao seu casamento, após o carro quebrar. O socorro aconteceu na BR 020.

Moradora de Formosa, Maria contou que seguia caminho para o cartório do Colorado na companhia de um casal de padrinhos quando o veículo enguiçou na altura do quilômetro 41 da rodovia, em Planaltina. Faltavam 30 minutos para o início da cerimônia quando os policiais pararam ao verem o carro encostado no acostamento. “Eu fiquei desesperada. Estava com toda aquela maquiagem e aquele vestido de noiva quente. Mas foi um sonho, um casamento inesquecível”, define.

*Com informações do CBMDF

Ver mais
Publicidade

Escolha o assunto

Publicidade
Publicidade

Viu isso?