Nossa rede

Aconteceu

Defesa de Lula pede ao TSE para gravar propaganda eleitoral na prisão

Publicado

dia

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) conceda uma liminar para que o petista tenha direito a participar “plenamente” da propaganda eleitoral no rádio e na televisão, podendo gravar áudios e vídeos de dentro da prisão.

A coligação de Lula alegou ao TSE que, embora ele esteja preso, a execução provisória da pena não tem o “condão de lhe suspender os seus direitos políticos, tampouco o de lhe restringir a candidatura ao cargo de Presidente da República”. Disse ainda que a legislação eleitoral assegura a qualquer candidato, mesmo sub-judice, participação efetiva em todos os atos da campanha.

Líder nas pesquisas de intenção de voto ao Palácio do Planalto, o ex-presidente está preso desde abril cumprindo pena após condenação em segunda instância no processo do tríplex do Guarujá (SP). Em função desse caso, ele deve ter a candidatura barrada pela Lei da Ficha Limpa, em julgamento que deve ocorrer na próxima semana.

A defesa defende a concessão de uma liminar e cita que a propaganda dos candidatos a presidente da República começa no dia 1 de setembro, no sábado. E lembra que, pela legislação, é preciso entregar as mídias com os arquivos para a transmissão dos programas eleitorais com 6 horas de antecedência e, no caso das inserções, 12 horas.

Os advogados pedem que, se a liminar for concedida, o chefe da Polícia Federal no Paraná seja notificado a adotar as “providências logísticas cabíveis, no sentido de permitir a entrada de profissionais da área de comunicação da Coligação e do candidato a Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, nas dependências da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, para realizar a gravação de áudios e vídeos a serem utilizados no horário eleitoral gratuito”.

Comentário

Aconteceu

Homem vendia pedra de crack a R$ 10 no entorno de rodoviária do DF

Publicado

dia

PMs desconfiaram do homem e o abordaram. Com ele, foram apreendidos cerca de R$ 300, em dinheiro, e 28 pedras da droga

Um suspeito de tráfico de drogas foi preso pela Polícia Militar na noite dessa terça-feira (13/11) nas proximidades da Rodoviária Interestadual do Distrito Federal.

De acordo com a corporação, PMs do Grupo Tático Motociclístico (GTM) desconfiaram do homem e o abordaram. Com ele, foram apreendidos cerca de R$ 300, em dinheiro, e 28 pedras de crack.

Ainda segundo a PM, o acusado assumiu a propriedade da droga e informou que havia trazido o entorpecente de Planaltina de Goiás (GO), no Entorno do DF, para comercializar a R$ 10, cada, na capital federal.

Ele já tinha passagens pela prática de outros crimes e foi levado para a 5ª Delegacia de Polícia (Área Central), onde o caso foi registrado.

Ver mais

Aconteceu

Polícia prende grileiros que lucraram mais de R$ 3,4 milhões no DF

Publicado

dia

Segundo a corporação, o terreno de dois hectares foi parcelado irregularmente em 27 áreas pela quadrilha, que acabou vendendo 40 lotes

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga o envolvimento de um grupo criminoso em parcelamento irregular de chácara da região do Núcleo Rural Ponte Alta Norte, no Gama. A Delegacia Especial de Proteção ao Meio Ambiente e à Ordem Urbanística (Dema) cumpriu, na madrugada desta terça-feira (13/11), quatro mandados de busca e apreensão da Operação Esmeralda.

De acordo com a corporação, o grupo é suspeito de ter fracionado ilegalmente, em 27 partes, uma área pública de dois hectares de extensão. Além disso, eles venderam 40 lotes ao todo. Cada área custava entre R$ 65 mil e R$ 85 mil. A organização lucrou mais de R$ 3,4 milhões com toda a ação, segundo a polícia.

Os acusados poderão responder por parcelamento irregular do solo urbano, falsificação de documentos e lavagem de dinheiro. Os mandados foram cumpridos em Vicente Pires, no Park Way e Gama.

Ainda de acordo com a PCDF, todos possuem antecedentes criminais pelo mesmo crime, além de dano ambiental, contrabando ou descaminho, falsidade ideológica, apropriação indébita, porte ilegal de arma de fogo, estelionato, violência doméstica e associação criminosa.WhatsApp Image 2018-11-13 at 12.50.30

 

Ver mais

Aconteceu

Idoso e criança ficam feridos após caírem em vão de elevador na W3 Sul

Publicado

dia

Os dois tiveram ferimentos leves e foram levados pelo Corpo de Bombeiros para o Instituto Hospital de Base

Avô e neto ficaram feridos após caírem no fosso de um elevador no Bloco A da 514 Sul. Os dois abriram a porta e entraram antes da chegada do transporte. Eles ficaram prensados pela estrutura e tiveram de ser resgatados pelo Corpo de Bombeiros.

Os militares foram chamados às 18h30 desta segunda-feira (12/11) e conseguiram resgatar o idoso, de 82 anos, e a criança, de 4, ambos com ferimentos leves.

Segundo a corporação, Odésio Alves de Rezende foi encaminhado com uma lesão na cabeça e suspeita de fratura na mão esquerda para o Instituto Hospital de Base (IHB).

Odésio estava consciente, orientado e estável no momento do atendimento. O menino estava apenas com escoriações e seguiu com o avô para a unidade de saúde.

Ver mais
Publicidade

Escolha o assunto

Publicidade